vexilologia, heráldica e história

25
Mar 11

A Força Aérea Portuguesa foi criada em 1952, como ramo independente das Forças Armadas. Dois anos depois, através do Decreto n.º 39 833 de 1 de Outubro de 1954, foi estabelecido o primeiro Regulamento de Uniformes para a Força Aérea (RUFA).

 

Os uniformes estabelecidos pelo RUFA de 1954 baseavam-se nos uniformes para a Aeronáutica Militar inclusos no Regulamento de Uniformes para o Exército de 1948. O RUFA apresentava, contudo, algumas originalidades, uma das quais a dos distintivos de patentes, a usar nas platinas dos uniformes dos oficiais superiores e subalternos, constituídos por estrelas. Os restantes distintivos de posto eram semelhantes aos usados no Exército.

 

O RUFA de 1954 sofreu, posteriormente, algumas pequenas alterações, até ser substituído pelo RUFA de 1966, estabelecido pelo Decreto nº 47 229 de 30 de Setembro de 1966.

Oficiais generais e coronéis tirocinados

Outros oficiais

 

Oficiais com funções governativas

Aspirantes a oficial e alunos dos cursos de oficiais e sargentos

Sargentos e cabos especialistas

Outros praças

Pessoal da Cruz Vermelha Portuguesa em serviço na Aeronáutica

Modelos de estrelas usadas nos distintivos

Referências

  • Decreto n.º 37 211, de 11 de Dezembro de 1947
  • Decreto n.º 39 833, de 1 de Outubro de 1954
  • Decreto n.º 42 831, de 8 de Fevereiro de 1960
  • Decreto n.º 47 229, de 30 de Setembro de 1966
publicado por audaces às 08:59

Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
26

27
28
29
30
31


pesquisar
 
mais sobre mim
Novos visitantes desde 25 de Julho de 2009
free counters